Mots-Clés ‘crônica’

ZECA CAMARGO E CRISTIANO ARAUJO

Samedi 4 juillet 2015

Realmente não vi nada de aberrante na crônica de Zeca Camargo, de quem não sou fã, nem gosto, mas foi uma crônica onde ele relata, a insanidade da busca por heróis. Verdade seja dita, eu mesmo nunca tinha ouvido falar no Cristiano Araujo antes, que se foi muito jovem, mas não tão jovem quanto os morrem diariamente nas periferias e nem  por isto, ninguém chore.

Choramos a morte de gente que às vezes nunca vimos, e ignoramos a morte de um vizinho e mesmo de um parente. Estamos movidos pela mídia que fabrica heróis para adorarmos e  bandidos para jogarmos pedra. Somos apenas massa de manobra.